top of page

FIQUE POR DENTRO DAS

NOVIDADES

EXPLICANDO O BULLYING



O termo bullying vem da palavra inglesa “bully”, que significa “brigão” ou “valentão”. Os bullies, como são chamados aqueles que praticam o bullying, são responsáveis por humilhar, intimidar, ameaçar, discriminar ou maltratar suas vítimas de forma física e/ou psicológica, de maneira sistemática e repetitiva.

PRIMEIRA INFÂNCIA X BULLYING

Na primeira infância (fase da infância que engloba crianças de 0 a 6 anos de idade), o bullying muitas vezes aparece de forma sutil, onde pode ser facilmente confundido com alguns comportamentos naturais do desenvolvimento da criança nessa fase.

Segundo Piaget, (1896-1980) podemos classificar o desenvolvimento cognitivo em duas etapas:

Sensório-motora: que vai do nascimento aos dois anos de idade. Nesta fase a criança se utiliza basicamente dos sentidos para conhecer o mundo.

Pré-operatória: que vai dos 2 aos 7 anos de idade, onde a criança começa a adquirir noções de tempo e espaço.

Por isso que nessa fase é tão importante ficar atendo ao desenvolvimento das crianças. Um comportamento agressivo, pode ser motivado por alguns fatore, como: falhas do meio ambiente em que a criança está inserida (família e escola), educação baseada em pré-conceitos e discriminação, estímulos inadequados recebidos por meios de comunicação, situações de violências intrafamiliares, situações de bullying, baixa autoestima, dificuldades de aprendizagem, dentre outros. Este comportamento, pode aparecer ainda como uma forma de reação a uma frustração, para conseguir uma recompensa, ou até mesmo com o objetivo de machucar (física ou verbalmente). O importante é saber diferenciar quando um comportamento agressivo é passageiro, ou se o mesmo pode ser considerado como um transtorno de conduta. Todos esses sinais devem ser avaliados, dando a eles a sua devida importância, pois caso não seja assim, essas atitudes poderão evoluir de forma prejudicial na infância, adolescência e vida adulta, podendo transformar a criança em agente ou alvo de bullying.

QUAIS SÃO OS SINTOMAS DO BULLYING INFANTIL?

Alguns comportamentos das crianças podem ser um indício de que ela está sendo vítima de bullying, como por exemplo: se isolar, preferindo não brincar com outras crianças; choro excessivo; queda de rendimento escolar e/ou falta de vontade de ir para a escola; queda de imunidade; oscilações de humor; dores frequentes (dores de cabeça ou estômago, por exemplo); crises de ansiedade; dificuldade para dormir e até mesmo agressividade excessiva.

IMPORTANTE!

Não existe uma causa específica que leve uma criança a praticar bullying, porém é importante analisar se esta criança não está sofrendo alguma violência em casa, se recebe uma educação extremamente agressiva, a ponto de normalizar esse tipo de comportamento, ou achar que essa seja a única forma de defesa, ou se sentir insegura nas relações e agir de forma agressiva para se autoafirmar. Por isso tanto o agressor quanto a vítima de bullying precisam de um olhar atento e acolhedor.

O QUE PODEMOS FAZER PARA EVITAR?

Algo muito importante é ficar atento às mudanças repentinas de comportamento. É na primeira infância que as crianças aprendem sobre as emoções básicas (alegria, tristeza, raiva, medo) e valores humanos (respeito, empatia), e ensiná-las desde cedo sobre como lidar com a raiva e a frustração e respeitar o direito do outro, é um bom caminho para evitar o bullying. Conversar com as crianças sobre o assunto também é muito importante. Livros e vídeos infantis sobre o tema ajudam a criança a compreender melhor o que pode está ocorrendo com ela, ou com alguma outra criança. Trabalhar a empatia de forma prática, explicando sobre respeito é fundamental para criar uma capacidade de cooperação. Fazer com que a criança se sinta acolhida e segura para compartilhar as experiências que acontecem em seu dia a dia também é uma ótima forma de prevenção.

DICAS SOBRE O TEMA

Livros Infantis:

Todos Zoam Todos - Autor: Dipacho - Editora: Pulo do Gato

Monstro Rosa - Autora: Olga de Dios - Editora: Boitatá Ernesto – Autora: Blandina Franco - Editora: Companhia das Letrinhas

Vídeo Infantil:

História infantil: "bullying" - O menino valentão: https://www.youtube.com/watch?v=OZTs2z2XTHY Uma realização do Movimento de Mulheres em São Gonçalo @movimentodemulheres_sg em parceria com a Petrobras @petrobras #petrobrassocioambiental #movimentodemulheres #tecendoredesnaprimeirainfancia

Commentaires


bottom of page